Apostilas | A oração de Ana | Comunidade Cristã Amor e Graça

 
 
  A oração de Ana

A oração de Ana

O livro de I Samuel 1 conta à história de Ana, uma mulher que teve a alma restaurada através da intercessão. Ela desejava muito um filho e por essa causa se apresentava de ano em ano, para adorar e sacrificar ao Senhor dos Exércitos. E a Bíblia cita que essa mulher tinha a sua madre cerrada, portanto, não podia gerar filhos.

 

 

Através da vida de Ana vemos três características importantes.

 

 

1. Sinceridade

 

"Ela, pois, com amargura de alma, orou ao Senhor, e chorou muito ... " (I Sm 1: 10)

 

 

Ana não escondeu toda a tristeza de sua alma por desejar tanto um filho e não poder tê-lo, pelo fato de ser estéril. Ela se revelou ao Senhor com sinceridade de coração, com choro, expondo naquela intercessão o quanto estava com a sua alma ferida.

 

 

Quantas vezes oramos e apesar de não estarmos bem, não temos coragem de falar com Deus o que realmente o que está em nosso coração. E com isso só nos prejudicamos.

 

 

A sinceridade é umas das chaves principais para conquista de uma vida abençoada. Nós da Comunidade Cristã Amor e Graça não temos medo de revelar nosso segredo de crescimento que é a sinceridade. "Porque nós não somos falsificadores da palavra de Deus, como tantos outros; mas é com sinceridade, é da parte de Deus e na presença Dele que, em Cristo, falamos." (II Co 2: 17)

 

 

2. Perseverança

 

 

Ana perseverou na intercessão apesar de Elias achar que ela estava bêbada. Ela entendia que a intercessão jamais pode estar acompanhada pela desistência. Todo desistido não conquista, mas Ana, através de sua perseverança, demonstrada pelo fato de ir de ano em ano ao templo, fez com que conquistasse o que tanto buscava: um filho.

 

 

Ana perseverou até que a bênção se manifestasse. É dessa forma que devemos proceder diante de Deus em nosso favor e em favor de outros, pela perseverança.

 

 

Sem perseverança não há quem não retroceda! Não perca sua perseverança, pois trará grandes respostas " ... Não abandoneis portanto vossa confiança, ela traz grande galardão ... "(Hb 10:35-39)

 

 

3. Entrega

 

 

Ana buscou sua conquista em Deus e se entregou sem reservas. No versículo 15, vemos Ana derramando a sua alma perante o Senhor, entregando-se totalmente e o resultado de sua intercessão, o profeta Elias disse a ela: "Vai em paz; e o Deus de Israel te conceda a petição que lhe fizeste. "

 

 

I Sm 1:19

 

 

Ana chegou de uma maneira no templo, mas saiu de outra maneira. Quando entregamos as coisas nas mãos de Deus o semblante muda completamente.

 

 

Temos observado pessoas, tensas, com semblante de choro, amarguradas dizendo confiar em Deus. Toda conquista para ter êxito precisa ser acompanhada de uma certeza. Em Tiago 1: 17 diz: "Toda boa dádiva e todo dom perfeito, vem do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não há mudança, nem sombra de variação. "

 

 

Sabemos que conquistamos tudo primeiramente no plano espiritual e o texto afirma que vem do alto, ou seja, movemos as bênçãos de Deus em nosso favor através da oração. Primeiro a benção é firmada no céu, depois se materializa na vida do Cristão. A intercessão é como uma gestação, e como dar a luz um filho. 






Voltar