Apostilas | O que é o deserto? | Comunidade Cristã Amor e Graça

 
 
  O que é o deserto?

O que é o deserto?

Texto: “Recordar-te-ás de todo o caminho pelo qual o Senhor, teu Deus, te guiou no deserto estes quarenta anos, para te humilhar, para te provar, para saber o que estava no teu coração, se guardarias ou não os seus mandamentos” (Deuterônomio 8:2)

 

Introdução: O deserto é uma passagem, que leva o filho de Deus a enfrentar um lugar cheio de armadilhas. É importante conhecermos essas armadilhas para que elas não prevaleçam sobre nós.

 

 

1. Motivação errada no coração

 


Algumas pessoas pensam que estão realizando a obra de Deus, mas estão edificando um monumento para si mesmas. O deserto instiga a manifestação de motivações erradas no nosso coração pois é lugar de miragens. O deserto é lugar de sol, assim nos vemos à luz de Deus. É também local de sequidão, todos os que vive na carne são secos, áridos, não tem nada para ministrar ao outro. Reconhecendo as motivações erradas e as anulando em nossa vida poderemos avançar para a Terra Prometida.

 

 

2. Ausência de Celebração

 


Só podemos celebrar a redenção com revelação vivenciando a plenitude da vida ressurreta.
Muitos hoje em dia, não vivem a vida abundante de Deus, vivem no deserto. Talvez seja esse o motivo porque muitos filhos de cristãos não se convertem. No passado o Senhor ordenava a celebração de festas todas ligadas ao plantio e a colheita. O deserto não é lugar de festa, mas de tédio. Muitos cristãos não conseguem celebrar, certamente por que estão no deserto.

 

 

3. Indisciplina e falta de compromisso com Deus (Hb 13:9)

 


No deserto, não se semeia nem se colhe nada; logo, podemos afirmar que o cristão carnal, que vive no deserto, também não possui fruto nenhum para apresentar a Deus. Isso por que só faz o que lhe parece bom aos próprios olhos. Suas ações podem até ser sinceras, mas sem a direção do Espírito Santo (1Co 10:5).

 

 

4. Não entram no descanso – (Hb 4:9-10)

 


Enquanto vivermos apenas para fazer aquilo que agrada ao nosso coração, jamais desfrutaremos o descanso do Senhor, razão pela qual somos atribulados por preocupações e ansiedades. Se ainda não temos o descanso do Senhor com certeza é por que ainda vivemos no deserto.

 

 

5. Não se apropriam da herança (I Co 10:1-13)

 


A incredulidade impediu o povo de Israel de conquistar a terra de Canaã (Nm 13.:33). A incredulidade nos impede de desfrutar de tudo aquilo que Deus tem para nós.

 

 

Conclusão: Poderíamos citar muitas outras características. No entanto, nos basta a exortação de Paulo em 1Co 10.1-13. Ele nos orienta a não viver conforme o exemplo de Israel. Quão triste e quão amarga é a vida no deserto!






Voltar