Apostilas | O batismo | Comunidade Cristã Amor e Graça

 
 
  O batismo

O batismo

Introdução: Neste estudo podemos compreender a cerca do batismo, para isso iremos abordar alguns aspectos muito importantes para que o significado do batismo que era antigamente feito no passado e nos dias atuais seja completamente esclarecido e entendido a luz da Palavra de Deus.

 

 

1. NÃO EXISTIA BATISMO ANTES DA LEI

 


Quando Adão cometeu o pecado no jardim do Éden, esse pecado passou para todas as gerações, mesmo sobre aqueles que não cometeram pecado semelhante ao de Adão, pois a morte passou para todos os homens (Romanos 5:12-14). Nesta época não existia nada que purificasse o homem dos seus pecados; o pecado passava do pai e da mãe para os filhos. Davi mesmo citou que em pecado lhe concebeu a sua mãe (Salmo 51:5), entendendo assim que o pecado já nasce com o ser humano.

 

Nota: Se é certo que o ser humano já nasce com pecado, por que uma criança não pode ser batizada? Aliás, onde está escrito na bíblia que criança não pode ser batizada? Quem inventou esta história que criança não tem maldade? A criança já é ciumenta, (deixa outra criança pegar o brinquedo dela para você ver) egoísta, (quer tudo e toda atenção só para ela), muitas vezes também já manifesta ira e outras tantas coisas.

 

 

2. A CRIAÇÃO DO BATISMO NA LEI

 


Em números 19 temos a primeira referencia bíblica sobre o batismo em águas que na realidade é apenas um dos muitos atos da purificação. Na verdade o batismo nada mais é do que um arrependimento do homem quando este transgredia os mandamentos da Lei. Para simplificarmos o assunto, segundo a Lei o homem tinha que cumprir um ritual para o perdão dos pecados. Primeiro contava seus pecados ao sacerdote, este lhe daria conforme a Lei o sacrifício devido para o perdão dos pecados. Junto a isso ele deveria se afastar da congregação pelos dias determinados que geralmente durava entre uma e duas semanas. Nos últimos dias da purificação lavava suas vestes e recebia as águas do batismo esperava até a tarde e somente ai estava limpo. Sendo assim, o batismo nas águas feito hoje nas igrejas, é só uma parte do cerimonial para o perdão dos pecados, e que também é feito completamente fora dos contextos bíblicos, pois na Lei cada pecado gerava um batismo e hoje isso é feito só como um cerimonial para os homens.

 

 

3. O BATISMO NOS DIAS DOS APÓSTOLOS

 


Jesus foi batizado! Embora no caso dele isso seria desnecessário e o próprio João Batista o alertou disso dizendo: “-Senhor eu é que preciso do teu batismo e não tu do meu. Mas Jesus respondeu deixa assim por enquanto, porque convém que eu cumpra a lei da justiça.” (Mateus 3:13-17). Após Jesus, o batismo continuou sendo realizado; inclusive no livro de Atos podemos observar que os apóstolos de Jesus chegaram a batizar aqueles que mesmo tendo Jesus como Senhor, viviam nas ordenanças da Lei de Moisés, (estes eram os judeus cristãos) estes tanto batizavam como participavam de toda a purificação da lei como fez Paulo por exemplo em Atos 21:23-24.

 

 

4. O BATISMO NOS DIAS ATUAIS

 


Muitos dizem que o batismo é indispensável nos dias atuais pois afinal de contas está escrito que quem crer e for batizado será salvo. Mas qual é o batismo que recebemos quando cremos? O batismo do Espírito Santo. “Em quem também vós depois que ouvistes o evangelho da vossa salvação, tendo também nele crido, fostes selados com o Espírito Santo da promessa. (Efésios 1:13) Foi esse o batismo que o ladrão na cruz recebeu, pelo qual foi salvo.

 


Alguns pontos bíblicos devem ser entendidos profundamente para que venhamos entender tudo sobre o batismo.

 


1°) O Sangue de Jesus já me lavou de todos os pecados (Ef 1:7) Se já estou limpo pelo sangue Dele, por que participar de todo esse ritual da lei? Aliás isso é desprezar o que Cristo fez por nós.


2°) A bíblia cita que há um só batismo (Ef 4:4). Se somente existe um batismo; este só pode ser com o Espírito Santo, pois o das águas por fazer parte de uma purificação não era apenas um.


3°) Todos nós fomos batizados em Cristo Jesus na sua morte (Rm 6:3). Portanto, se já estou purificado pelo sangue, não necessito de um ritual. Também o apóstolo Paulo diz que Cristo não o enviou para batizar e sim para pregar o evangelho e isto é o que a Comunidade Cristã Amor e Graça tem feito pois somos imitadores de Paulo como ele foi de Cristo.






Voltar