Apostilas | Curso Graça: A salvação | Comunidade Cristã Amor e Graça

 
 
  Curso Graça: A salvação

Curso Graça: A salvação

A SALVAÇÃO NA VISÃO DAS RELIGIÕES

 

 

1) NA VISÃO ESPÍRITA

 

 

Crêem que os homens vão se aperfeiçoando, pela evolução espiritual, a cada reencarnação. Dessa forma, através do sofrimento e da prática das boas obras, o “espírito” atinge uma categoria de pureza tal, que se pode dizer ter atingido a sua própria salvação.

 


Mas, o que a Bíblia diz sobre:

 


a) Reencarnação

 


Hb 9:27-28 – “E, assim como aos homens está ordenado morrerem uma só vez”

 


b) Profeta Elias (pois se baseiam em Elias como prova de reencarnação)

 


2 Rs 2:9-14 - Elias não passou pela morte quando viveu na época dos reis. Desta feita, veio à este mundo, assim como Melquisedeque (Hb 7:1-3), por isso veio posteriormente como João Batista para morrer (Mt 11:9-15) (Ml 4:5-6)

 


 A LUZ DA GRAÇA DE DEUS, ENTENDEMOS QUE:

 


a) Existe apenas a encarnação e jamais a reencarnação.

 


Jó 38:4-7 e 21 – “Onde estavas tu, quando eu lançava os fundamentos da terra?... Tu o sabes, porque nesse tempo já eras nascido...!”

 


Ef 1:3-5 -  “...assim como nos escolheu, Nele, antes da fundação do mundo...”

 


Jo 1:14 – “E o Verbo se fez carne e habitou entre nós...”

 


Hb 2:14 – “Visto, pois, que os filhos têm participação comum de carne e sangue, destes Ele, igualmente, participou...”

 


b) No tocante a perfeição:

 


Em nossa natureza carnal jamais encontraremos perfeição, ainda que vivêssemos mil vidas.

 


Jo 6:63 – “O espírito é o que vivifica; a carne para nada aproveita...”Rm 7:18 – “Porque eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem nenhum...”

 


Porém, em espírito somos perfeitos:

 


Fp 3:15 – “Todos, pois, que somos perfeitos, tenhamos este sentimento...”

 


Cl 2:10 – “Também, Nele, estais aperfeiçoados.”

 


Hb 10:14 – “Porque, com uma única oferta, aperfeiçoou para sempre quanto estão sendo santificados.”

 

NA VISÃO CATÓLICA

 


Os conceitos para a salvação na visão católica são os mais variados possíveis e todos são ligados à igreja.

 


Para uma pessoa ser salva segundo o catolicismo ela precisa seguir algumas doutrinas como:

 


1) ser católico: pois somente a igreja católica te leva para o céu (380 d.c.)


2) ninguém deve interpretar a Bíblia, contrário a interpretação católica (1546 d.c.)


3) o papa é infalível (1870 d.c.)


4) Maria é santa e imaculada (1950 d.c.) 


5) Se cometer pecados, existe o purgatório (600 d.c)

 

Mas, o que devemos entender sobre:

 


O PURGATÓRIO

 


Na visão católica existe o lugar chamado purgatório para onde vão todas as pessoas que partem desta vida. Ali tem que purgar as manchas ou pecados antes de poderem entrar no céu. E neste momento é muito importante as missas e novenas para os ajudar aliviar as suas “penas”.

 


a) Rm 3:25 – “...sendo justificados gratuitamente por sua graça, mediante a redenção que há em Cristo Jesus.”


b) Lc 23:43 – “...Jesus respondeu ao malfeitor: Hoje mesmo estarás comigo no paraíso.”

 


A IDOLATRIA

 


Possuem imagens de “santos”, “Jesus”,etc; e consideram não ser idolatria, pois dizem as possuírem apenas como lembranças, representando assim como as fotografias de pessoas que amamos; no entanto prestam cultos à essas imagens.

 


a) Is 44:9-20 – “Todas as imagens de escultura são nada...”


b) Sl 115:1-8 – “...Tem boca mas não falam, tem olhos mas não vêem, tem ouvidos mas não ouvem...”

 


A SALVAÇÃO POR INTERMÉDIO DE MARIA QUE SUPOSTAMENTE ROGA AO PAI

 


I Tm 2:5-6 – “Porquanto há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem, o qual se deu em resgate por todos: testemunho que se deve prestar em tempos oportunos.”

 


A PRÓPRIA MARIA APESAR DE SER ABENÇOADA ERA PECADORA

 


Lc 2:22-24 e Lv 12:6 –8 – “... e para oferecer um sacrifício, segundo o que está escrito na referida lei: um par de rolas ou dois pombinhos.”

 


MARIA TEVE OUTROS FILHOS

 


Mt 13:53-58 – “Não se chama a sua mãe Maria, e seus irmãos, Tiago, José, Simão e Judas.”

 


NA VISÃO EVANGÉLICA

 


Crêem que a salvação eterna veio através do Sr. Jesus Cristo, no entanto crêem que Jesus fez a Sua parte “(50%)” e que o cristão (crente) deve fazer a outra parte “(50%)” para que assim conquiste a sua salvação. Na visão evangélica o cristão sempre está em pecado tendo que se purificar todo o tempo com muitas obras, ritos, e cerimônias religiosas e mesmo praticando tantas coisas está sujeito à perder a salvação. 

 


Entre os ritos e as cerimônias religiosas está o batismo nas águas, que até o dia de hoje é muito discutido entre as igrejas evangélicas se deve ser feito por imersão ou por aspersão e se deve ser realizado uma única vez ou várias vezes. 

 


Mas, o que devemos entender sobre:

 


BATISMO EM ÁGUAS

 


a) O rito de lavamentos vem do pacto da lei, onde cada vez que o homem cometia pecados deveria passar pelas águas para purificação.

 

Nm 19:20 - “No entanto, quem estiver imundo e não se purificar, esse será eliminado do meio da congregação, porquanto contaminou o santuário do Senhor; água purificadora sobre ele não foi aspergida; é imundo.

 


b) João Batista batizava nas águas para arrependimento e perdão dos pecados.

 


Lc 3:1-3 – “... pregando batismo de arrependimento para remissão de pecados.”

 


Obs: O batismo nas águas foi necessário até Cristo ir à cruz, pois até mesmo João Batista sabia que o Sr. Jesus tinha um batismo superior à oferecer 

 


Mt 3:13-15 – “...deixa por enquanto, porque, nos convém cumprir toda justiça.”

 


O PECADO

 


a) Ef 1:7 – O sangue de Jesus nos lavou de todos os pecados.


b) Hb 10:12-18 – “...de nenhum modo me lembrarei dos seus pecados e das suas iniqüidades, para sempre...”

 


À LUZ DA GRAÇA DE DEUS, ENTENDEMOS QUE JÁ FOMOS BATIZADOS:

 


Rm 6:1-4 – “... Ou, porventura, ignorais que todos nós que fomos batizados em Cristo Jesus fomos batizados na sua morte?”

 


Mc 1:7-8 – O batismo de Jesus é com o Espírito Santo

 


Lc 23:39-43 – O ladrão na cruz foi o primeiro a ser salvo pela graça e não precisou de batismo em água.

 


Ef 4:4-6 – O apóstolo Paulo mostra haver um só batismo.

 


ICo 1:14-17 e Hb 6:1-3 – O apóstolo Paulo condena a prática de batismo em água.

 


Ef 2:8 – “Porque pela graça sois salvos, mediante a fé ; e isto não vem de vós ; é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie.”

 






Voltar