Apostilas | A prática do amor | Comunidade Cristã Amor e Graça

 
 
  A prática do amor

A prática do amor

No capítulo 1 de Apocalipse, encontramos o Apóstolo recebendo as revelações de coisas que em breve deveriam acontecer (Ap 1:1). Logo a seguir João é imediatamente levado a exortar as igrejas para que analisassem suas obras segundo a carne, pois embora estivessem recebendo a pregação da Graça muitas estavam se deixando levar pelo comodismo. O Apóstolo Pedro já dizia em sua carta que melhor seria a pessoa nunca conhecer a verdade, do que uma vez sendo conhecedora desta, se deixar enredar de novo (I Pe 2:20-22).

 

 

Dentre as coisas que levam a pessoa a um enredamento, a maior delas a falta da prática do amor.

 

 

Em Ap. 2:1-7 encontramos a conhecida igreja de Éfeso, igreja esta que, recebeu do Apóstolo Paulo a exortação para que não fossem como criança, agitada de um lado para o outro, e principalmente para que andasse em amor. Contudo, os apelos de Paulo não foram atendidos, pois os Efésios abandonaram o Primeiro Amor.

 

 

“Tenho porém contra ti que abandonaste o primeiro amor... ".

 

 

Abandonar o Primeiro Amor é viver a Graça friamente em sua vida.

 

 

Hoje encontramos muitas pessoas que vivem assim, que vão a igreja, só para cumprirem suas obrigações, mas sem zelo e amor pela Graça. Mal sabem elas o que estão plantando para suas vidas.

 

 

O Apostolo Paulo várias vezes exortou a igreja de Éfeso que não deixasse o amor de lado. Numa dessa vezes ele citou (Ef 4:14-16) “...para que não mais sejamos como meninos, agitados de um lado para o outro, elevado por todo vento de doutrina. Antes seguindo a verdade em amor cresçamos em tudo ... " .

 

 

Embora fosse uma igreja em Graça, a igreja de Éfeso, deixou o amor em segundo plano e o resultado é que embora eles possuíssem todas as praticas da Graça, faltava o amor. Não podemos nunca desprezar a Graça de Deus, ela é o sustento da vida.

 

 

Mas nem tudo havia se perdido, havia também entre as igrejas, a conhecida igreja de Filadélfia, que por incrível que possa parecer, era a igreja mais fraca de todas, porém aquela única que não havia abandonado o Primeiro Amor. (Ap 3:7-8)

 

 

Nunca abandone o seu amor por Cristo, a palavra de Deus cita em (Hb 2: 1-3) “...Se, pois, se tornou  firme a palavra falada por meio de anjos e toda a transgressão e desobediência recebeu justo castigo, como escaparemos nós se negligenciarmos tão grande salvação?”.






Voltar